Etapas e processos em uma construção civil

Etapas e processos em uma construção civil

Uma construção civil é composta de muitas etapas e todas elas são muito importantes para que o projeto saia dentro do prazo e com uma qualidade excelente.

Assim, desde a elaboração de um esboço de projeto SPDA e projeto de arquitetura até os preparativos finais que consistem no acabamento, uma obra exige comprometimento de cada uma das partes e atenção rigorosa ao cronograma estabelecido.

Nesse texto iremos falar de algumas etapas muito importantes que não podem faltar dentro de uma obra.

Etapas de planejamento

Desde a elaboração de projeto, passando pela compra de materiais como areia e pedra, até as etapas de construção que vai da preparação do terreno até a colocação dos revestimentos e acabamentos.

Começando por um item essencial que é o planejamento, e suas etapas que são:

1. Projeto de arquitetura

Toda construção precisa de um planejamento adequado, e o primeiro tipo de plano é a consulta à um arquiteto. Ele irá esboçar juntamente com você o planejamento, o orçamento e claro as etapas da construção.

A escolha do arquiteto deve ser bem feita e deve levar em consideração o portfólio do profissional, se ele se enquadrar no estilo que pensa, pode ser um ótimo parceiro até a finalização da construção.

O primeiro passo dentro da consultoria de arquitetura é saber o perfil da pessoa que quer construir. Sabendo os tipos de materiais que você imagina, os espaços que planeja, o arquiteto irá desenhar um ante-projeto para te apresentar.

Esse ante-projeto se constitui de:

  • Planta baixa;
  • Planta humanizada;
  • Projeto 3D interno;
  • Projeto 3D externo.

Caso você aprove e sugira algumas alterações isso será feito e então será realizado um projeto de arquitetura legal para ser enviado ao município para conseguir o laudo de vistoria cautelar antes do início da obra.

Feito a aprovação a obra é começada, a validação pode variar de seis meses a um ano.

2. Projetos complementares

O projeto de arquitetura será complementado com outros tipos de planejamento como as estruturas elétricas, estruturas de telefonia e internet, instalações hidrossanitárias, serviço de pintura industrial.

O seu arquiteto pode indicar boas referências para esses tipo de serviço.

3. Orçamento

Essa parte é uma das mais importantes durante a construção, pois, tudo o que é feito dentro da obra tem respaldo financeiro, desde a contratação da mão de obra até a compra de materiais.

Tudo deve ser feito dentro do orçamento. Claramente é importante que o orçamento deva ser estimado com base na estimativa dos gastos de materiais e mão de obra.

Importante deixar sempre uma reserva para imprevistos, afinal, planejamento não significa livramento de imprevistos, mas sim, a capacidade de poder cuidar deles de forma mais efetiva.

4. Planejamento da obra

Aqui é a parte pré-construção. É definido quando cada etapa será começada e quanto tempo durará cada etapa levando em consideração imprevistos e a disponibilidade de dinheiro e a entrega dos materiais.

Assim, é importante para ter uma visão completa de quanto tempo durará a obra.

Etapas da construção

Feito todos os planejamentos é hora de começar a colocar o projeto em construção, e isso segue algumas etapas também, como:

1. Serviços Preliminares

É a etapa de preparação do terreno da obra. Essa preparação consiste na limpeza, fechamento do terreno com tapumes, organização do canteiro de obras, execução dos serviços de terraplanagem.

Também é feito a montagem dos gabaritos, marcações no terreno como os eixos das fundações, e também feito a estocagem dos primeiros tipos de materiais como a areia lavada.

2. Fundações

Depois de limpo o terreno é construído as fundações. Há alguns tipos de fundações que variam de acordo com a obra. Quem definirá isso é o arquiteto ou o engenheiro lá no projeto de arquitetura.

3. Estrutura

É a parte da sustentação da edificação, aqui o preço de pedra para construção, pois é muito usada para produção do cimento. Existem alguns tipos de estruturas muito comuns usados no Brasil: concreto armado, alvenaria estrutural e estruturas metálicas.

4. Paredes, vedações e telhados

E a parte do levantamento das paredes nas estruturas, grande parte das alvenarias no Brasil são feitas com tijolos e reboco, mas podem ser feitas também o uso de divisórias ou gesso acartonado, conhecido como Drywall.

Feito as paredes é hora da colocação do telhado que possuem duas etapas como: estrutura (engradamento) e cobertura (telhas), sendo essas com diversos modelos como: cerâmicas, concretos, metálicas, fibrocimento e entre outros.

Após essas etapas temos as instalações hidrossanitárias, elétricas, gás e por fim os acabamentos e revestimentos, seguido da limpeza final e entrega da obra.

Desse jeito vimos que para o sucesso da obra é importantíssimo seguir cada etapa, dando atenção ao planejamento e a compra de materiais de qualidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *