Dicas para manter o conforto da sua casa

Dicas para manter o conforto da sua casa

Uma casa confortável e aconchegante é o desejo de todas as pessoas. E, para isso, alguns detalhes pequenos são capazes de transformar um ambiente, sem haver a necessidade de gastar muito dinheiro.

Pensando na sala de estar, por exemplo, itens como almofadas, tapetes, plantas e velas são elementos que podem dar um aspecto de mais conforto para o ambiente.

Além disso, em locais que possuem muitos insetos, uma tela mosquiteira para porta pode aliviar o incômodo causado por esses animais.

As almofadas esparramadas pelo sofá trazem uma sensação de aconchego. dessa forma, o mercado invete em diversas cores e estampas que podem ser escolhidas para combinar com a decoração da sala.

Assim, se a sua sala é em tons claros, jogar almofadas em tons mais escuros pode dar um contraste legal para o ambiente.

Já os tapetes também reforçam o conforto do ambiente, principalmente aqueles bem grandes e macios, além de proteger o piso laminado colocado preço. Uma dica é sempre combinar a cor do tapete com a cor da cortina.

Existem, no entanto, algumas iniciativas e tendências que visam uma harmonização entre a cidade e o meio-ambiente.

Nesse sentido, muitos arquitetos e designers de interiores estão colocando jardins verticais nos projetos. Essa ação visa espalhar plantas pelos ambientes, pois elas dão vida ao local, além de proporcionarem conforto térmico e maior bem-estar.

Elas devem ser posicionadas em locais estratégicos para não comprometer a funcionalidade de cada ambiente. No caso dos quartos, a instalação de uma tela mosquiteiro para proteger a cama pode aliar conforto ao charme atribuído por elas.

Independente do ambiente, sempre que possível, é indicado valorizar a iluminação natural, pois os espaços se tornam mais arejados, naturais e acolhedores.

Vale frisar que é preciso uma maior atenção ao colocar cortinas. Não é recomendada a colocação de cortinas muito pesadas que impeçam a passagem da luz.

Se o ambiente não tiver uma metragem grande, opte por cores claras na parede que darão a sensação de mais amplitude, além de instalar espelhos que aumentam a sensação de espaço, além de embelezarem o ambiente.

Como escolher o piso para a sua casa

Existem diversos modelos de pisos no mercado e conhecer sobre cada um deles é importante para fazer a melhor escolha para a sua casa, pensando em cada ambiente.

Entre os tipos mais comuns, além dos pisos vinilicos já citados, estão:

  • Pisos de cerâmica;
  • Pisos laminados;
  • Porcelanatos;
  • Pastilhas.

Os pisos de cerâmica são usados por serem duráveis e de limpeza fácil. Eles podem ser aplicados em ambientes internos e externos e apresentam cores, texturas, qualidades e preços diversos, oferecendo uma gama de possibilidades para quem não pode investir tanto.

Um piso muito fácil de instalar, de fácil manutenção, cuidado e bom preço é o piso laminado. Se for bem cuidado, da maneira adequada, a sua durabilidade é alta.

Antes de escolher o piso, no entanto, é preciso levar em consideração o tamanho dos cortes, a cor da madeira e a posição.

A maneira de alinhar o piso em linhas horizontais, verticais ou diagonais dá a possibilidade de ampliar ou diminuir o ambiente.

No caso de pisos de madeira, o sinteco é um material utilizado para manter o piso brilhante e com cara de novo por mais tempo.

Vale frisar que os pisos de madeira podem ser restaurados com a raspagem e aplicação de bona. O que faz com que eles tenham uma maior durabilidade e aparentem estar novos após a restauração ser realizada.

Pensando em sofisticação, os pisos de porcelanato são uma ótima escolha. Atualmente, as peças em porcelanato estão cada vez maiores, valorizando o ambiente e trazendo a sensação de amplitude e leveza.

Já as pastilhas são muito usados em detalhes de banheiros, na cozinha ou em piscinas e elas podem ser feitas de vidro ou cerâmica. Elas também possuem uma variedade de cores, formas e tamanhos.

Manutenção de pisos de madeira

Para restaurar piso de madeira, a primeira coisa a se fazer é raspá-lo, deixando o piso uniforme, com um bom acabamento e polido.

Após obter esse resultado, a aplicação de bona deve ser feita e após a sua aplicação, a bona leva, em média, duas horas para secar.

A necessidade de restauração e manutenção existe porque, após muito tempo de uso desde sua instalação, os pisos de madeira podem apresentar desgastes como arranhões, trincas, perdendo o brilho e descolando o rejunte.

No entanto, ao contratar uma empresa especializada nesse tipo de serviço, é possível obter um piso com cara de novo sem precisar reformar a casa.

Para aumentar a durabilidade do piso – e fazer com que a revitalização dure por mais tempo -, é importante realizar todos os cuidados recomendados pelos profissionais que executaram a restauração.

Vale frisar que é necessário fazer a limpeza, de maneira adequada, do piso sempre que cair algum líquido de forma a evitar que ele fique manchado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *