Como a construção pode contribuir para o meio ambiente?

Como a construção pode contribuir para o meio ambiente?

Entender como a construção pode contribuir para o meio ambiente pode ser a chave para realizações mais sustentáveis, mas ainda é um desafio.

Pensando nisso, o foco desse post é mostrar algumas maneiras de chegar a um resultado positivo ou mesmo entender quais os efeitos de uma construção.

Assim, você pode começar a focar os seus estudos em ideias inovadoras, diferentes e que podem ser a sua mina de ouro.

Vamos começar?

Como as construções afetam o meio ambiente?

Construir pode ser definido como algo comum dos seres humanos.

Afinal, ao longo da história é possível ver inúmeros projetos que saíram do papel e ganharam vida, sejam as primeiras ocas de índios ou monumentos históricos que existem até hoje.

Exemplo disso são as pirâmides do Egito ou mesmo o conhecido relógio Big Bang.

Em outras palavras, o homem está sempre pensando ou construindo alguma coisa nova, que vai ter algum tipo de função específica.

Mas, o objetivo principal por agora é entender como as construções podem afetar o meio ambiente.

Neste cenário, que tal você pensar um pouco sobre as construções civis, que são as de maior impacto para o mundo.

Assim, as construções das grandes cidades requerem o uso de um espaço, incluindo espaços verdes que poderiam ser preservados, e destroem a vegetação local.

Através do uso de diversas máquinas, toda a vegetação é retirada, sobrando só a terra, para dar início a planta, uso de ferro, cimento, concreto e por aí vai.

Toda essa mudança impacta aquela região, causando um desequilíbrio e ainda reflete no consumo de insumos.

Pense que, todo o verde bem como os animais que passavam por ali, vão precisar crescer em outro lugar, sendo que ali também vai acontecer o aumento do gasto de energia.

Claro que, se pensarmos em uma grande cidade, esse desequilíbrio parece mínimo e até difícil de ser mensurado.
Entretanto, basta observar como algumas regiões centrais são mais quentes, o ar parece mais poluído, os bichos indesejados aparecem para todos os lados, etc.

Em grande escala, essas construções comprometem o solo, a vida animal e humana e muito mais.

Importante

De acordo com a Resolução Conama nº 001, janeiro de 1986, alterar um espaço físico de qualquer maneira já pode ser considerado como um impacto.

Afinal, essa alteração química, física ou biológica altera a energia, saúde, segurança ou estabilidade, seja em um nível microscópico ou não.

Dentro dessa perspectiva, existem possíveis agravantes, como a contaminação de rios e lençóis de água, emissão de gases, destruição da fauna e flora e muito mais.

Como a construção pode contribuir para o meio ambiente

Depois de entender um pouco mais sobre como as mudanças do ambiente causam impactos negativos, vale a pena conhecer o outro lado da história.

Ao fazer cursos online, por exemplo, você conhece os principais tópicos de um assunto e isso é validado através da prática.

Com a questão ambiental, aconteceu a mesma coisa: milhares de pesquisas, estudos e construções precisaram ser feitas até chegar ao conhecimento que se tem hoje.

Há cem anos, por exemplo, não se falava sobre efeito estufa ou mesmo sobre a reciclagem.
Já que não era algo conhecido para o ser humano.

Portanto, hoje você pode vir a saber como a construção pode contribuir para o meio ambiente através dos seguintes tópicos:

1.Reaproveitamento de espaços

Uma das maneiras de contribuir para o meio ambiente é aproveitando os espaços que já existem, mas que não estão sendo utilizados.

Exemplo disso são milhares de casas, prédios e edifícios vazios.

Ao invés de destruir uma nova área, é possível utilizar esses espaços, através da compra, e reestruturar de acordo com o seu projeto.

2. Construção pode contribuir para o meio ambiente através da reforma verde

A reforma verde é mais utilizada em projetos que já existem, como prédios muito antigos que serão novamente aproveitados.

Entretanto, também podem fazer parte de uma estrutura nova, sendo chamada de construção sustentável.

Enfim, isso consistem em reaproveitar materiais, reduzindo a quantidade de lixo descartada, e evitando o uso de materiais que possam ser ruins para o meio ambiente.

Assim, é utilizado fiações que consomem menos energia, materiais reciclados, redução de máquinas que poluem o meio ambiente, estruturas para captação de água, etc.

Vale destacar ainda que a construção verde varia de acordo com cada projeto, já que é preciso adaptar as possibilidades.

3. Avaliando os cuidados durante a construção

Entre as maneiras de como a construção pode contribui para o meio ambiente, é avaliando o cuidado durante o trabalho.

Durante muitos cursos online, você aprende como que uma construção deve ser feita: para que o desenho comece e até ele sair do papel.

Além disso, é preciso estar atento ao que está a sua volta.

Por exemplo, você precisa saber quanto pode perfurar um solo sem causar maiores danos, onde pode jogar detritos ou mesmo as regras locais.

Ao mesmo tempo, é interessante pensar no meio ambiente que está ali, para evitar o desmatamento de áreas muito extensas e que não são necessárias.

Também é válido pensar o que pode ser feito para reduzir o impacto, como usar máquinas menores ou deixar uma área preservada.

Tudo isso, permite que seja possível que a construção possa contribuir para o meio ambiente.

Contribuir para o meio ambiente é garantir a vida

Para finalizar, vale destacar que a preservação não é apenas um assunto bacana que está em alta, mas sim uma necessidade.

Com as grandes metrópoles e áreas da Terra já ocupadas, é preciso garantir que fauna e flora sejam capazes de viver.

Assim, você evita que o ambiente fique muito quente e ainda mantém as estações do ano funcionando.

Portanto, faça com que o seu projeto seja o mais ecológico e sustentável possível, dentro do que pode ser feito para cada cliente.

Logo, você terá projetos e resultados mais fantásticos a cada ano.

Enfim, você ainda tem alguma dúvida ou gostaria de saber mais sobre o tema?

Comenta aqui embaixo ou aproveite para deixar a sua dica do que gostaria de ver aqui na página.

Grande abraço e até o próximo post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *