Eletrodutos – Instalação e Dimensionamento

Eletrodutos – Instalação e Dimensionamento

Os eletrodutos são elementos fundamentais para o trabalho de um eletricista, de forma que o profissional deve saber manuseá-los da forma correta.

Mas, antes de aprender a manipular, é importante entender a respeito da finalidade deste material, além de saber os diferentes tipos existentes.

Por isso, neste conteúdo, reunimos algumas informações sobre os eletrodutos, a fim de introduzir o assunto a você que se interessa pela área.

Então, se deseja conhecer e aperfeiçoar seus conhecimentos, não deixe de conferir até o final!

O que são eletrodutos? Quais tipos existem?

Os eletrodutos nada mais são do que os tradicionais conduítes, que muito provavelmente você já deve ter ouvido falar em alguma obra ou reforma.

Este material se apresenta como um duto por onde passam as fiações elétricas por dentro da parede, a fim de protegê-la de possíveis agressões e fatores externos prejudiciais, como a umidade.

Dentre as funções do eletroduto, podemos citar a proteção dos componentes da fiação elétrica, manutenção da temperatura e evitar choques e problemas do gênero.

Por essas razões, é fundamental escolher o tipo correto de conduíte, a fim de garantir que a fiação possa executar sua função livremente, mantendo-se segura dos problemas citados.

Vamos agora conhecer os diferentes tipos de eletrodutos, vendo também a principal finalidade de cada um deles.

1. Eletroduto flexível plano e corrugado

Este representa o tipo mais comum de eletroduto, uma vez que os modelos mais usados pelos eletricistas são os flexíveis.

Este é o modelo mais indicado para instalações comuns em paredes, já que é mais simples de colocar e permite voltas simples.

Existem dois tipos deste eletroduto: o plano e o corrugado, sendo que ambos possuem as mesmas propriedades, diferenciando-se apenas por algumas características físicas, embora ambos sejam compostos de PVC.

2. Eletroduto curvável

O eletroduto curvável é também um modelo bastante utilizado, mas tem como característica realizar dobras e curvas com certa dificuldade.

Este modelo é mais indicado para uso em situações específicas, principalmente quando a instalação é dificultada por outros fatores.

3. Eletroduto rígido

Por fim, o último tipo que citaremos é o eletroduto rígido, que se diferencial exatamente por ser muito menos maleável que os demais.

Embora seja pouco maleável, ainda assim é possível curvá-lo, sendo indicado para instalações onde a fiação é vulnerável a fatores externos, como ambientes subaquáticos.

Cuidados relacionados à instalação e dimensionamento

Agora que já sabemos quais os diferentes tipos de eletrodutos que existem, é fundamental aprendermos como deve ser feita a instalação destes materiais.

Descrever um passo a passo pode ser complicado, já que a forma correta de fazer a instalação e o dimensionamento dependerá da situação.

Para isso, uma das dicas que temos para lhe apresentar é sobre o tipo de eletroduto, sendo fundamental escolher o correto para o tipo de fiação e ambiente.

Como já foi dito, a função do eletroduto é permitir a passagem e proteger os componentes elétricos, e para que funcione, deve ser utilizado o modelo ideal.

Além disso, tome muito cuidado durante as instalações, a fim de preservar a fiação e a parede, já que qualquer erro pode acabar gerando problemas estéticos no ambiente.

Com essa exceção, o mais importante é ter a experiência adequada para realizar o procedimento, e falaremos sobre isso no próximo tópico.

A importância do curso de eletricista

De fato, trabalhar com eletrodutos não tem nenhum segredo, desde que você saiba o que está fazendo.

E para isso, um bom curso de eletricista é fundamental, já que é onde será possível aprender como funcionam as instalações elétricas de forma geral.

Muito mais do que garantir um serviço bem feito, essa recomendação também garante a segurança do profissional e do projeto elétrico.

Por isso, não deixe de investir em cursos online de qualificação, caso você tenha vontade de ingressar na área, pois certamente fará grande diferença em seus serviços.

A boa notícia é que atualmente não é tão difícil conseguir fazer este tipo de curso, já que existem opções totalmente gratuitas e online à sua disposição.

Portanto, se deseja aprender mais sobre o assunto, a fim de se tornar um bom profissional, não deixe de fazer sua inscrição em um destes cursos.

Sem dúvidas, esta será uma excelente maneira de se preparar para o mercado!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *